Posts Marcados Consciência Social

HomofobiaNÃO Vs. HomofobiaSIM

É isso mesmo que está rolando no Twitter. Parece que basta haver um pequeno gatilho para que pessoas mostrem ao mundo o quanto são preconceituosas e ignorantes. Felizmente não são todas assim.

Já me pediram para parar de associar coisas ruins à religião, até pensei que estava realmente exagerando, mas me enganei. Parece que tudo gira em torno da fé, do fanatismo. Assim como dizem que deus ama o pecador, mas não o pecado, penso em algo bem parecido, odeio a religião, mas não o religioso. Não todos. Acordem, vocês são milhares de vezes melhores que certas doutrinas que espalham por ai, como sendo “paz e amor”, mas que na verdade tratam sobre paz somente para com aqueles que seguem o mesmo pensamento que você. O resto? Que vá pro inferno. Literalmente.

Que amor é esse que aparece somente quando direcionado ao seu “irmão de fé”? Os que não compartilham da mesma filosofia não são seres humanos? O que você acha certo, tem que ser uma verdade universal? Digo, o que sua religiao acha certo; a maioria dos religiosos não questionam as coisas, simplesmente aceitam o que está nas escrituras “sagradas”.

O gatilho mencionado foi o fato de ter sido elaborada uma lei que garante o direito dos homossexuais. Um pouco diferente do caso dos “nordestitos”. Veja esse post caso não tenha entendido o por que de “nordestitos” = nordestinos.

Entenda o motivo da postagem:

Não sei como podem considerar isso como ‘sagrado. Queria saber como as pessoas ainda têm coragem de dar algo desse tipo para que seus filhos leiam. Merece pelo menos um “Puramente ficção” e “+18” na capa, não acham?

Veja os tweets que levam a tag #homofobiasim

Matheus Carvalho

Anúncios

, , , , ,

150 Comentários

Brasil, um país para todos?

Não é bem assim que todos pensam. Não é de hoje que o preconceito contra o nordeste acontece na internet, mas parece que as coisas ficaram bem mais explícitas com a eleição, e a popularização do Twitter, onde cada um diz o que quer. Tudo que vira TT o povo agora twitta para tentar conseguir o máximo de Rt’s e followers possíveis. Quando digo tudo, é tudo mesmo.

Nunca fui contra piadas sobre o sotaque das pessoas, nem sobre a origem delas, quando levado num tom de brincadeira. Mas digam se isso se encaixa numa piada.

A maior parte deste tipo de comentário está vindo do Sul e do Centro-Oeste. Sabe por que? Pelo simples fato de Serra ter ganho maioria dos votos nesse estado. O Sudeste acaba entrando de intrometido.

Quando comecei a escrever este post  planejava colocar o link do blog, e orkut, da menina da primeira imagem, mas acompanhando os comentários do pessoal, vi que seria completamente inútil pois a galera simplesmente está xingando e tentando, ao máximo, humilhar a garota, que é estudante de direito. Sério, pra que isso? Do que adianta punir o agressor agrendindo-o? Isso não muda o fato de que sou a favor da pena de morte isso só vai fazer de você um agressor, porém que usa a multidão para se esconder e correr menos risco de ser apedrejado, ou seja, um agressor covarde.

Todo mundo vira “corajoso e justo” quando recebem suporte da maioria. Tipo de pessoa que é completamente diferente quando nignuém está “olhando” para ela.

Matheus Carvalho

, , , , ,

5 Comentários

Pré-Determinismo, destino e outras coisas mais.

Você ja deve ter se perguntado, em algum momento, o por que de certas coisas darem errado, não importando o que você faça, e outras funcionando sem o mínimo esforço da sua parte. Já deve ter percebido também que alguma ação, lá no passado, teve alguma reação no presente que te fez lembrar imediatamente dela. Se não lembra, que tal se perguntar: “E se minha família tivesse me matriculado em outra escola?”, consegue imaginar? Simplesmente toda sua vida seria diferente. Outros amigos, outras festas, outros problemas, outros romances. O Pré-Determinismo assume que há um “destino” que já foi definido pela causa primeira, e que essa causa gerou uma reação em cadeia, até os dias de hoje, de Causa -> Consequências, consequências que seriam causas das novas consequências, e assim por diante. Mas diferente da visão comum, e religiosa, que temos sobre o destino, em que toda Causa tem sua Finalidade, também conhecido como Pós-Determinismo, o Pré-Determinismo simplesmente diz ter um caminho ‘já traçado’, mas ninguém o escreveu e ele não está ai para finalidade alguma, simplesmente aconteceu. O problema que muitas pessoas encaram para aceitar esta filosofia está na seguinte silogia:

Tudo possui uma causa. Duas causas iguais, e em situações iguais, não podem gerar consequências diferentes. Logo, estamos presos a uma cadeia de causas-> consequências já pré-determinadas.

Perceberam o problema? Esta lógica ataca diretamente o livre arbítrio, que é defendido não só por religiosos, mas pela maioria do seres humanos. Ouvir alguém falar que você não tem direito algum de escolha, é no mínimo pertubador. Pense bem, o que determina suas escolhas? Inluência dos amigos, sua personalidade, sua família, sua visão de ética, as oportunidades, tudo isso te influência de alguma maneira e cada um desses fatores possui suas próprias causas que levaram ao seu encontro.

“Mas, eu posso agir de forma totalmente contrária à minha personalidade pra mudar esse tal destino” ou “Se tudo já está definido, então posso fazer o que quiser e não podem me culpar por isso”

É a argumentação que algumas pessoas utilizam, mas você não sabe qual é esse ‘futuro pré-determinado’, então como vai afirmar que está mudando ele? E caso você aja de tal maneira, você provavelmente tem algo que te fez agir assim, seja uma característica desafiadora, ou uma posição mais revoltada. Ninguém vai sair por ai cometendo crimes pelo simples fato de ter conhecido uma nova filosofia, só vai acontecer se a pessoa estiver pré-disposta a isso.

“Mas se não podemos prever esse futuro, qual seria a utilidade de saber que ele já está definido?”

Aparentemente nenhuma. Algumas pessoas entram em depressão profunda ao saber disso por considerarem ter perdido o ‘sentido da vida’. Eu prefiro pensar que isso ajuda a parar de me preocupar com o passado, com coisas que deixei de fazer, ou fiz. Mas também nunca deixar de fazer sempre o seu melhor e buscar ao máximo atingir suas metas, sem prejudicar àqueles a sua volta.

“Nós podemos tomar o estado presente do universo como o efeito do seu passado e a causa do seu futuro. Um intelecto que, em dado momento, conhecesse todas as forças que dirigem a natureza e todas as posições de todos os itens dos quais a natureza é composta, se este intelecto também fosse vasto o suficiente para analisar essas informações, compreenderia numa única fórmula os movimentos dos maiores corpos do universo e os do menor átomo; para tal intelecto nada seria incerto e o futuro, assim como o passado, seria presente perante seus olhos”  -Pierre Simon Laplace

Matheus Carvalho

, , ,

18 Comentários

%d blogueiros gostam disto: